post

Remédio para Enxaqueca – Como Aumentar o Efeito

Vídeo Sobre Como aumentar a eficácia do seu remédio para enxaqueca – Método natural, caseiro, seguro e cientificamente embasado

remedio para crise de enxaqueca Remédio para Enxaqueca   Como Aumentar o Efeito

Remédio para Crise de Enxaqueca – Como Aumentar o Efeito

Como vocês que sofrem de enxaqueca já sabem muito bem, o melhor mesmo é nunca se automedicar e fazer uso do remédio para crise de enxaqueca que foi prescrito pelo médico de sua confiança.

Todo mundo também sabe que o intuito de uma boa estratégia de tratamento preventivo de enxaqueca é sempre minimizar a frequência das crises. Afinal, quanto menos crises, menor a necessidade de remédio para crise de enxaqueca! (A propósito, é para minimizar sua enxaqueca que você deve ler meu livro!) Mas “minimizar” não é sinônimo de “zerar”.  Uma ou outra crise de enxaqueca pode sobrevir.

A dica que se segue é 100% segura e pode ser implementada por qualquer portador de enxaqueca, independentemente de idade, gravidez e tratamento que esteja realizando. A intenção dessa dica não é substituir o remédio para crise de enxaqueca que seu médico prescreveu, mas para maximizar a eficácia do mesmo. Por “maximizar a eficácia” entenda-se minimizar a duração da dor de cabeça e portanto a necessidade de repetir dosagens ou partir para remédios mais fortes.

Seguir esta dica resulta numa redução gradual nos disparos dos neurônios que transportam a informação da dor de cabeça na crise de enxaqueca!

Maximizando a eficácia do remédio para enxaqueca

Assim que a crise de enxaqueca der o primeiro sinal, tome o remédio para crise de enxaqueca que seu médico prescreveu e retire-se por 1 hora num quarto totalmente escuro.

O mecanismo é o seguinte: a luz ativa certos neurônios a partir da retina, os quais por sua vez se conectam aos neurônios que transportam, nas profundezas do cérebro, a informação da dor, resultando numa exacerbação da informação da dor pela presença da luz. Este fato foi estudado cientificamente por pesquisadores de Harvard e da Universidade de Utah (EUA) e publicado na Nature Neuroscience volume 13, número 2, páginas 239 a 245.

Portanto a ausência de luz elimina este efeito exacerbante e o período de uma hora é mais que suficiente para o remédio que você tomou exercer seu efeito.

Atenção, não basta fechar os olhos – para que o mecanismo acima possa ocorrer, é necessário se deslocar para um ambiente o quanto mais escuro. São aqueles neurônios que detectam a luz, e não as imagens, quem têm o poder de se comunicar com os circuitos cerebrais responsáveis pela transmissão da consciência da dor. E convenhamos: mesmo com os olhos fechados, embora não consigamos ver imagens, nós conseguimos distinguir entre claridade e escuridão. Na impossibilidade de se deslocar para um ambiente bem escuro, uma sugestão seria retirar-se para um ambiente tranquilo onde pudesse diminuir ao máximo a iluminação, deitar (ou sentar-se confortavelmente) e utilizar uma máscara tapa-olhos (mais para folgada que para apertada).

Bem, agora eu passo a bola para você. Aplique a dica, observe o resultado e em seguida deixe seu comentário abaixo, pois compartilhando seu resultado poderá motivar outras pessoas a segui-la (ou não!). Apenas lembre-se da regra de não citar nomes de remédios em seus comentários, caso contrário eles não serão publicados.

Leitura Recomendada Para Quem Tem Enxaqueca:

Consultas com Dr. Alexandre Feldman – CLIQUE AQUI para maiores informações.

Comentários dos Meus Leitores

  1. Imagem de SheilaSheila comentou

    Olá, sempre faço isso numa crise de enxaqueca e melhora com certeza. Sem dúvida é o melhor potencializador do remédio. Abraço!

  2. Imagem de marisamarisa comentou

    ola, a todos
    Bem tenho enxaqueca desde os 7 anos, no começo via fumaça olhos embaçados.
    mas meus pais diziam.
    Criança nao tem dor de cabeça
    Que absurdo.
    Quando cheguei aos 13 tudo piorou, hj com 46 o NEUROLOGISTA receitou AMITRIPTILINA 25mg
    mas estou conseguindo controlar com 10mg.
    Mas ja ouvi que ao chegar na MENOPAUSA tudo piora, é verdade?
    obrigada.

  3. Imagem de Adriana ResqueAdriana Resque comentou

    Este método é o mais eficaz para mim, quando percebi que o remédio fazia efeito quando eu tomava e me trancava no meu quarto com a cabeça alta (travesseiros) e bem escuro, eu pego no sono e acordo bem melhor. Se por um acaso eu esteja trabalhando e nao possa fazer isso, certamente a enxaqueca irá se estabelecer por 3 longos dias…

  4. Imagem de Camila Novaes comentou

    Eu sempre fiz isso!
    Tenho enxaqueca desde muito pequena e tive até 3 convulsões de tanta dor.
    O pior, é que eu tenho enxaqueca com aura, que me impede até de tomar anticoncepcionais.
    Minha vida mudou depois que eu passei a utilizar uma coisa que meu oftalmo me indicou: Limão Mirim, aquele beeem pequenininho.
    Tomo o suco de 1 limãozinho assim que acordo, ainda em jejum, sem nada, apenas com uma gotinha de água.
    Parei também de comer carne vermelha e de lá p cá conto numa mão as dores que eu tive, e graças à Deus, ainda sobram dedos.
    Tomei amitripil por mais de um ano, para minimizar e espaçar as crises e assim que mudei a minha “dieta”, parei de tomá-lo. A cura da enxaqueca realmente está nos alimentos, e hoje graças à Deus eu posso atestar!

    • Imagem de MarceleMarcele comentou

      Camila, quem tem enxaqueca com aura não pode tomar anticoncepcional?? Não sabia.

      • Imagem de CamilaCamila comentou

        É verdade, minha gineco me receitou DIU e parei de tomar anticoncepcionais, pois tenho enxaqueca com aura tbm.

  5. Imagem de Natali BarrettoNatali Barretto comentou

    Deitar em local escuro e tomar o remédio faz com que a dor de cabeça passe. Mas continuo sentindo todos os outros sintomas que ultimamente tem acontecido antes da chegada da dor, que são enjoo, fraqueza no corpo principalmente nos braços, dificuldade da fala, dormência no corpo todo, falta de cordenação motora e a visão embaçada e com perda de campo visual em focos. Ultimamente tenho me incomodado bastante com os outros sintomas e a dor que já deixou de ser forte e intensa já não é o que mais me preocupa. Tenho medo de ter crises quando estou sozinha. É dificil pedir ajuda porque não consigo falar, me comunicar com as pessoas de uma maneira clara. Pra mim, estou falando normal, mas as pessoas não me entendem. Não sei o que acontece. Manusear um telefone pra pedir ajuda também é um problema pois não consigo manusear da maneira correta, acabo ficando mais nervosa porque sei o que tenho que fazer, mas meu corpo não obedece aos meus comandos.
    Alguém mais sente isso fora a dor de cabeça?

    • Imagem de elisangelaelisangela comentou

      gostei muito das dicas pois meu esposo,tem enxaqueca e quase nao sei lidar com isso.fico nervosa em ver ele daquele estado.o problema que ele tem a acabeça dura e não quer procura um medico ele acha que não tem soluçao para isso.preciso saber como lidar com essa situaçaõ.e as dores dele aumenta cada dia .e sofro por ele.

      • Imagem de Luana SouzaLuana Souza comentou

        Elisangela, eu até entendo seu mardido! Concordo plenamente com ele em as vezes não quer ir ao médico, não sei se ele já foi pelo menos uma vez ou só leu sobre o assunto. Mas eu sofro com enxaqueca desde os meus 10 anos e hoje estou com 29 anos e hoje até hoje. Mas um dos motivos por não gostar de ir ao médico é pela falta de respeito que alguns médico por se dizer médicos tem com seus pacientes, passear que não posso generalizar mas eu já fui em dois na minha cidade, que simplesmente pediu que eu pegasse dinheiro com meu namorado ou mãe porque naquela época eu namorava, pediu que eu pegasse e fosse para um shopping gastar, que depois passaria a minha dor. E o outro foi quando o médico disse que o que estava sentido era frescura, essas foi uma das atitudes que não quis procurar médico ou procurar tratamento e outra coisa, muita gente fala que enxaqueca não é doença e sim frescura, desculpa pelo palavreado, mas é o que eles dizem. Eu recentemente sai do meu emprego justamente por causa da minha crise e onde trabalho eles também não acreditam sobre isso e principalmente nos sintomas que sentimos. Ficam rindo de nossa cara!!!!!! É uma pena e triste sentir isso, pois gosto muito de trabalhar e não posso trabalha, por causa da crise. Espero que entenda um pouco seu marido, não sei q situação ele está, mas ajude pois o meu não entende e também pensa que enxaqueca não é grave como as outras doenças que existem, perigosas ou preocupantes. Agora acho q vou tentar novamente fora do meu estado, pois também já tentei em São Paulo e não tive sucesso, faço vários exames de cabeça e não dar nada.

    • Imagem de TaniaTania comentou

      Cara Natali, faça das suas palavras…as minhas. Tenho crises desde dos 6 anos de idade hj tenho 40 anos, já sofri muito com crises na escola, trabalho e etc.
      Hj vivo com traumas e comprometida psicologicamente, até de ambientes muito iluminados eu quero distancia, essa doença é traiçoeira pega vc a qualquer momento sem avisar, tenho muito medo tbm de andar sozinha pois fico cega não consigo enxergar nada, fica dificil de chegar em casa, e pra completar as vezes que fui socorrida me aplicaram remedio na vêia que me deixaram com falta de ar e entrei em pânico e os medicos falavam que eu estava com sindrome do panico, depois que descobri que me dava falta de ar era o plasil, tapava minha respiração e uma sensação de fim do mundo por aí vc imagina. já fiz varios tratamentos com neuro hj estou por conta propria e lendo esses artigos pra aprender algo com as experiencias das outras pessoas que sofrem desse mal.Desejo à vc que tenha saúde e boa sorte!

    • Imagem de daianedaiane comentou

      Volta no neurologista e faz uma revisão. Vc pode estar com outra coisa e qdo tem a crise os sintomas pioram. Pode ser deficiência de vitaminas. Tenta melhorar a alimentação. As vezes tenho isso tb, mas no meu caso é hora de trocar a medicação que espaça as crises. VOLTA NO NEUROLGISTA URGENTE OU PEDE UMA SEGUNDA OPINIÃO NEUROLOGICA

  6. Imagem de Victor GomesVictor Gomes comentou

    Sempre que tenho as crises (e graças a Deus elas são hoje bem esparsas), tomo dois comprimidos e me deito. Mas nunca fiquei realmente na escuridão total, apenas em um local tranquilo e na penumbra. Vou tentar na próxima vez. Uma estratégia que foi muito eficaz para potencializar o efeito do medicamento em mim, foi, após tomá-lo, respirar Oxigênio puro profundamente por 10 minutos. Após esse tempo, se a crise estiver no início, as dores somem e eu fico energizado, disposto para qualquer coisa. É impressionante. Parece que o Oxigênio puro atua diretamente nas artérias do cérebro ajudando no seu relaxamento. Quem puder, tente.

  7. Imagem de maria tbmaria tb comentou

    Ola.
    Este tapa olho é maravilhoso,uma sensaçao de bem-estar muito grande.
    Tenho enxaqueca desde que me etendo por gente.Na infancia morava na roça e mamae me dava agua de cinzas do fogao para ajudar na digetao,mas nunca nada adiantou, hoje tomo medicamentos preventivos. Depois disso as crises diminuiram os dias de dores, já cheguei sentir crises por 22 dias seguidos hoje tenho crises até tres dias. Mas o foco mesmo é a alimentação.
    Que Deus abençoe a inteligencia dos cientistas para que descubram a cubra deste tao horrivel mal. Obrigada Dr por estar cuidando de todos nós.
    abraços, Maria

  8. Imagem de MarisaMarisa comentou

    Olá.

    Sempre desde pequena, tive crises em enxaqueca, não estava mais suportando, até que conheci a dieta, indicada livro “Enxaqueca, Finalmente uma Saída”. Com muita chá de gengibre, mais de uma ano, diariamente. E sempre seguindo essa dica de repousar absolutamente em lugar escuro, após tomar o remedio. Hoje graças a Deus, posso contar quantas vezes ainda me dá crises de enxaqueca, fortes, quase nunca. E quando der qualquer sinal de dor de enxaqueca, tomo o remédio, e quarto escuro, por um tempo, e pronto a dor sumiu!!! Só tenho a agradecer, todas as dicas, que busco nesse site e nos livros do Dr. Alexandre.

    Continue sempre esse trabalho maravilhoso!!!

  9. Imagem de Alexandra Xavier Fonseca CarvalhoAlexandra Xavier Fonseca Carvalho comentou

    Gostei mto da dica pois tenho dores de cabeça quase que diarias e depois de ler este artigo que notei que as dores sempre estão mais fortes quando saio do meu quarto que passei a tarde toda vendo tv e saio para fora com a claridade a dor fica quase insuportavel, ai eu corro tomo meu medicamento e espero anciosa para surgir efeito, adorei esta dica agora não vou ficar mais na claridade esperando minha dor passar. Obrigada

  10. Imagem de SandroSandro comentou

    Ótima dica. Parece bobagem, mas minha mãe sofre de enxaqueca e é exatamente isso que ela faz. Um ambiente sem incidência de luz e de barulho para que a medicação possa fazer efeito.

  11. Imagem de Economize com Plantas comentou

    Muito boa a postagem, ensinou direitinho sobre os métodos de tratamento da enxaqueca. Estou pesquisando justamente sobre técnicas naturais para curar o problema. Tenho muitas dores de cabeça (não enxaqueca), e o método da ausência de luz (coloco uma toalha sobre os olhos num local escuro) tem um alívio imediato pra mim.

  12. Imagem de lucieni de lima vargaslucieni de lima vargas comentou

    Tenho enxaqueca desde que me conheço por gente…mas ela complica mais quando vou mesntruar, hj estou com 51 anos de idade e ela não me abandonou, minha esperança é que depois que eu parar de menstruar ela vá embora, porque minha mãe foi exatamente assim,,raramente ela tem dor de cabeça…cuido mto da minha alimentação e tomo bastante água quando estou com dor..coloco também uma bolcinha de gelo,alivia bastante.Mas quando a maldita vem ai é um Deus nos acuda..entro em depressão de tanto medo que tenho, por vezes a medicação da efeito rebote, que vou parar no plantão! mas hj em dia estou bem melhor,as crises já diminuiram bastante.

  13. Imagem de Daniela P CamargoDaniela P Camargo comentou

    A duas semanas eu passei no neuro fiz todos os exames e o médico diagnosticou enxaqueca.
    Já tive 3 crises, duas super forte, que realmente só passam quando me isolo no escuro e silêncio total .
    Acho estranho por que tenho a dor na nuca e em sequencia…fico 3 dias boa e 2/3 com crise.
    mudei a minha alimentação e iniciei tratamento com acupuntura, mais tenho muito medo, principalmente pela sequência em dores e por que busquei saber de alguém que tenha dor na nuca sem aura e não encontrei.
    O escuro realmente alivia a dor.

  14. Imagem de Marisa CostaMarisa Costa comentou

    Com certeza o melhor para minimizar a crise é o repouso em quarto escuro. O silêncio para mim também é essencial! Procuro respirar de forma tranquila e tento relaxar. Isso me ajuda muito!
    Mais uma vez obrigada Dr. Feldman por nos ajudar a enfrentar melhor esse mal que por muitos é tão incompreendido e menosprezado.

  15. Imagem de JovâniaJovânia comentou

    Impressionante como ainda tem gente que coloca o nome de remédios aqui…

    Natali, também tenho essa fraqueza no corpo, principalmente braços e pernas. Parece que estou trêmula por dentro. Às vezes sinto isso até sem a dor de cabeça, e já percebi que tem relação com o café.

    Li e recomendo muuuito o livro do dr. Alexandre. Mudou minha vida…

  16. Imagem de SandraSandra comentou

    Natali tenho também essa fraqueza no corpo nas pulsos e nos tornozelos e as mãos trêmulas e dor de cabeça e ansia de vômito, quando vou para o hospital, médicos que tem enxaqueca entende, mas tem médico que fala que eu estou com depressão.
    Abraços.

  17. Imagem de LucasLucas comentou

    Com toda certeza funciona entrar num quarto escuro logo com os primeiros sintomas. Mas no meu caso, tenho enxaqueca com aura, e nenhum remédio surte efeito durante a crise (não encontrei um remédio que tire a dor), e deitar parece piorar a dor, o esquema é sentar e esperar.

  18. Imagem de CristianeCristiane comentou

    Parece que neste site com tantos depoimentos me sinto um tanto quanto normal. Meus medos, minhas dores…me sinto tão sozinha neste mundo…parece que só eu que sinto essa dor terrível. Tenho enxaqueca desde os treze anos, hoje estou com 38 (quase 39), quando fui mãe ( a nove anos a trás) elas pioraram MUITO, são no mínimo uma vez por semana. Fiquei dois anos sem dor devido a um tratamento com homeopatia, mas o efeito parou e agora desde o começo deste ano voltou com força total. Voltei a fazer tratamento com neurologista, mas tá difícil de ter uma melhora….Como dói, meu Deus! O duro não é só a dor, é também depois da dor. são as molezas, tremedeiras por dentro, as fraquezas nas pernas, a sensação de que vc vai morrer na próxima dor que vc vier a ter….parece que só quem tem essa dor tem entende! Olho para as outras pessoas e vejo que eu não consigo levar uma vida coo uma pessoa normal….até de ir viajar eu tenho medo….Vou ler o livro pra ver se eu melhoro….

    • Imagem de FlávioFlávio comentou

      Realmente, não conheço ninguém pessoalmente q tenha as mesmas dores do que eu. As vezes comento com amigos e ele falam que também tem. Eles nem sabem o que estão falando, quando tenho as crises fica impossível fazer qualquer coisa. Até de ambulância eu já tive q sair do meu serviço. E as vezes não consigo ir trabalhar, mas as pessoas não acreditam. Sinceramente, não sei o que fazer, remédio nenhum adianta pq sempre q tenho as crises eu faço muito vômito. E só melhora quando consigo dormir, mas como dormir com essa dor horrível. Da vontade de morrer!
      Dor infernal!!!

  19. Imagem de denisedenise comentou

    ola pessoal..tenho enxaqueca a muitos anos..quando me da crises tenho q ficar no escuro total..a ultima crise esta durando a 1 semana..nao consigo trabalhar estou com dores em todo corpo.tenho a impressao q vou cair se ficar em pe..fui no medico e me receitou amitriptilina e sumax,,quando tomei a dor de cabeça acalmou mas tive dores muito forte no peito por 1 hora aproximadamente.agora estou com medo de tomar e sentir aquela dor foi horrivel achei q ia morrer…estou com meu peito todo dolorido..

  20. Imagem de Eva Wilma RodriguesEva Wilma Rodrigues comentou

    Obrigado Doutor pela dica nunca tentei as vezes até cheguei entrar no quarto mas a dor era tanmto que eu fui parar no pronto socorro. Hoje tento controlar minha dor de cabeça com :clonazepam, sertralina, carbamazepina, haloperidol e só. Mas as vezes ainda bdói mas continuo levando esm sucesso. Obrigada.

  21. Imagem de ninhaninha comentou

    ja tomei tanto remedio que meu neuro disse que não sabia mas o que passar para me. tenho fé em Deus que ele vai me curar porque não sei mas o que fazer.agora vou seguir seu conselho camila um a abraço n e Deus te proteja.

  22. Imagem de rogerio machado de souzarogerio machado de souza comentou

    valeu doutor pela dica eu ja tinha cortador alguns alimentos.tipo chocolate,cafe puro,coca cola.agora com adica fica melhor…mas qual é o melhor remedio…

  23. Imagem de leila coscia pimentelleila coscia pimentel comentou

    Tenho esperança que o seu livro me dê mais uma luz, já abriu um caminho grande essas dicas que foram mostradas. Mas uma coisa que ajudou a espaçar os dias de dores, foi a academia de Taekwondo ITF, que fiz por um ano, impressionante, foi só parar por motivo de desemprego e me voltaram as dores com mais frequência. Agora vou voltar novamente a fazer atividade física e ver se vai melhorar de novo. Já mudei a dieta e tirando a soja e seus derivados, e diminuí os doces(difícil).

  24. Imagem de ERENICYERENICY comentou

    ontem mesmo estava em crise, e horrível, essa dor, só vem a melhorar com quarto escuro, e sem barulho, silencio total,tomei algum remédios injetados na veia na emergência do hospital, vim a melhorar tambem….. mas os sintomas são muito ruins…..

  25. Imagem de JéssicaJéssica comentou

    Fico muito preocupada com os sintomas que tenho junto com a dor como, fraqueza no corpo principalmente nos braços (direito), sensação estranha na nuca, dificuldade da fala, dormência no corpo todo, principalmente no rosto e no braço no lado direito e a visão embaçada e com perda de campo visual em focos, enjoo. Essa dica realmente diminui a dor mas não afasta os outros sintomas. Fico mais tranquila em saber que outras pessoas sentem esses sintomas, pois já passei com quatro médicos e ambos disseram que era enxaqueca junto com uma crise de ansiedade, mas por sentir esses sintomas tão incomuns sempre fiquei muito preocupada, com medo de ter algum problema mais serio na cabeça, mas todos os médicos garantiram ser enxaqueca, depois de muita insistência solicitei que me encaminhasse para realizar um exame, fiz uma tomografia, que para minha felicidade não deu nenhuma anormalidade.

  26. Imagem de Zenilde Alves Nascimento CarvalhoZenilde Alves Nascimento Carvalho comentou

    Também tenho crise de enxaqueca desde os 18 anos de idade, como muitos depoimentos aqui sofro muito com os sintomas que são muitos, hoje estou com 49 anos e as crises diminuíram bastante, esse negocio funciona, eu já fiz e as vezes melhora até sem tomar o remédio. espero que depois que parar de menstruar ela vai embora de vez. li o seu livro e me ajudou muito.

  27. Imagem de Rosa de sousaRosa de sousa comentou

    ola ,também sou da família da enxaqueca,ja fiz vários tratamentos com médicos diferentes tinha crises fortes vômitos e ate ir para o hospital,com o tempo descobrir uma medica microfisioterapeuta onde fiz algumas sessões tem mim aliviado muito as dores ,mas sempre procuro pesquisar sobre o assunto e este saite me ajudou muito.

  28. Imagem de EdiltonEdilton comentou

    desde criança eu tenho isso , mas nao sabia o que realmente era , meu maior problema nao sao as dores e sim a visao turva cheia de estrelas e fico vendo as coisas pela metade , pois trabalho com meu carro e fico sem enxergar direito as coisas , isso me preocupa muito , nunca fiz tratamento , pois nao sabia o era , mas agora que li sobre varios artigos estou mais tranquilo , costumo tomat neosaldina , mas como disse o meu problema e a visao falha . agradeço sobre os comentarios , sempre pertinentes .

  29. Imagem de PatriciaPatricia comentou

    Realmente essa dica é ótima! Ajuda muito! Tenho enxaqueca desde os 15 anos, hoje tenho 32. Passei por muitos médicos já na fase adulta.Na adolescência nem sabia o que era enxaqueca…. Sempre tomei medicamentos na crise aguda. Infelizmente esses medicamento contém corticóides e me fizeram engordar muito mesmo. Há apenas 5 anos faço tratamento preventivo e hoje as crises são raras graças a Deus.

  30. Imagem de Marisa CostaMarisa Costa comentou

    Nas crises fortes tenho que necessáriamente ir para o quarto escuro mas infelizmente ha algum tempo não tem um resultado positivo. Embora já tenha melhorado muito com os cuidados que sigo Dr. ainda tenho crise forte as vezes. E depois que melhora ainda assim não consigo sair da cama. tenho muito mal estar! Isso é comum?