post

Enxaqueca e Derrame, AVC, Acidente Vascular Cerebral

Enxaqueca e Risco de Derrame, AVC, Acidente Vascular Cerebral

avc derrame acidente vascular cerebral Enxaqueca e Derrame, AVC, Acidente Vascular Cerebral

Derrame cerebral (AVC)

Um estudo realizado no Departamento de Neurologia do The Mount Sinai School of Medicine em Nova Iorque e publicado no dia 9 de março de 2007 no Current Cardiology Reports, volume 9, páginas 13 a 19, intitulado (traduzido) AVC e Enxaqueca (onde AVC é a sigla para Acidente Vascular Cerebral, popularmente conhecido como “derrame”), mostra que o risco de derrame, AVC, acidente vascular cerebral é mais elevado em pacientes jovens portadores de enxaqueca.

Nota: os 3 termos – derrame, AVC e acidente vascular cerebral podem ser considerados sinônimos e serão repetidos várias vezes neste artigo para que você os memorize e se familiarize com eles mais facilmente)

Os pacientes mais vulneráveis para apresentarem derrame, AVC, acidente vascular cerebral, seriam, segundo o estudo, aqueles portadores de enxaqueca com aura. Os portadores de enxaqueca também possuem maior incidência de doenças como foramen oval persistente (um defeito da membrana que divide as duas câmaras superiores do coração, e que resulta numa comunicação anormal entre elas), distúrbios da coagulação do sangue, dissecção (“rasgo”) da artéria carótida, e malformação arteriovenosa. Todas essas doenças aumentam, igualmente, o risco de AVC.

O artigo também mostra que para diagnosticar um AVC provocado por enxaqueca, é preciso eliminar as demais causas de AVC.

O AVC da enxaqueca se caracteriza por uma irreversibilidade da aura (a qual normalmente teria uma duração de apenas 15 a 60 minutos). Os exames, nesses casos, demonstram uma área de infarto na região do cérebro correspondente ao déficit permanente. Daí o termo infarto enxaquecoso, para se referir a esse tipo de AVC.

O artigo termina com a observação de que o tratamento preventivo da enxaqueca com aura pode ser útil na prevenção desse tipo de AVC.

Esta é mais uma razão – importantíssima – para que todos os portadores de enxaqueca tenham acesso a um tratamento adequado! (Clique aqui para saber mais sobre os tratamentos da enxaqueca.)

Na minha opinião, remédios apenas não bastam no tratamento adequado da enxaqueca. É vital empreender uma série de ações que envolvem mudanças-chave nos hábitos e estilo de vida, no sentido de mudar o seu destino para melhor. Sobre esse assunto, e principalmente sobre como fazer para realizar essas mudanças com sucesso e mudar seu destino para melhor, escrevi o livro Enxaqueca – Só Tem Quem Quer, que você precisa conhecer e ler.

Aproveite e clique aqui para receber um email a cada novo artigo que for publicado neste blog.

LEIA TAMBÉM:

INFORMAÇÕES PARA AGENDAR SUA CONSULTA

O LIVRO SOBRE ENXAQUECA QUE JÁ MUDOU O DESTINO DE MUITA GENTE PARA MELHOR 

RASGO EM ARTÉRIA PODE  PARECER ENXAQUECA

CEFALEIA (DOR DE CABEÇA) “EM TROVOADA” PODE SER SINAL DE ANEURISMA

ANTIINFLAMATÓRIOS,  ENXAQUECA E RISCO DE DERRAME

Comentários dos Meus Leitores

  1. Flávia comentou

    Tenho enxaqueca com aura há mais de 15 anos, porém são raras as minhas crises ( em média 1 ou 2 crises por ano!) onde poderia ler mais a respeito do acidente vascular cerebral?
    obrigada

  2. Flávia comentou

    Fiquei encucada com esse lance da aura…a minha enxaqueca tem a aura, e só de pensar num estado permamente ( ?) dela, já me deu até ânsia, acredita?

  3. Silvia Marise Brancaccio comentou

    Eu tenho enxaqueca há mais de 20 anos. Já passei em consulta com muitos neurologistas
    e outros especialistas. Até agora, não tive êxito em nenhum tratamento, apenas promessas de médicos dizendo que a minha dor de cabeça tem cura. Ela tem prejudicado a minha vida e tem sido muito frequent. Gostaria de saber qual recurso médico existe para diagnosticar a enxaqueca corretamente, e se ela tem cura.

  4. Janaína comentou

    Tenho enxaqueca todo mês na fase pré e durante a semana da menstruação.
    Tem sido muito difícil pra mim… Mal estar, enjôo, náuseas…
    E para completar, nesse período, quando não estou com enxaqueca tenho dor de cabeça, aquela pontadinha de leve na parte lateral da cabeça o dia inteiro.
    Já tentei acumpuntura,mas não vi melhora…
    O neurologista me passou um tratamento diferenciado para quando for enxaqueca e quando for dor de cabeça, ocorre que, na prática, nem sempre no início dos sintomas consigo saber quando é uma ou outra…
    E se não tomo Naramig antes da enxaqueca se instalar, ela vem forte e fico horas com muita dor.
    Posso ter esperança?

  5. Fátima Carvalho comentou

    Tenho todos esses sintomas que a Janaína e a Flávia disseram. Já passei por vários tratamentos médicos e nada. Não sei como agir, às vezes sinto até um desespero porque não consigo encontrar um médico para curar essa enxaqueca.
    Li o depoimento da Sra Marília Izildinha da Silva que faz tratamento com o Sr, Dr Feldman, e foi o que me deu uma esperança tão grande. O senhor tem consultório aqui no Rio de Janeiro?
    Obrigada

  6. Monaliza Sanches Zena comentou

    Percebi realmente as dores muito fortes na cabeça há uns 2 anos, mas realmente fui detectar uma enxaqueca há uns 9 meses. Minha dor é tão forte que não consigo ver a luz do dia. Tenho muita ânsia e enjoô. Às vezes só passa quando durmo, mas as vezes, mesmo dormindo durante a noite, eu já acordo com dor de cabeça. Ando percebendo que antes de um ataque de dor de cabeça, eu fico com a visão embaçada, e logo depois começa uma dor na nuca, muito forte, que fica na cabeça inteira, não consigo nem mexer muito minha cabeça.
    Gostaria de saber se a visão pode ficar embaçada por causa da enxaqueca?

    Obrigada

  7. edivan carlos comentou

    Oi. Ultimamente, ando com uma dor de cabeça do lado esquerdo. Não é uma dor de cabeça normal, as vez ela vem de uma forma tão forte, que quando abaixo a cabeça parece que vai cair.

    Será que e enxaqueca?

    Grato pela atenção
    Edivan

  8. Mirce comentou

    Tive enxaqueca por cerca de 25 anos. Daquelas que não tem como esconder: Tá na cara, a expressão do rosto chega a ficar alterada. Tudo era motivo pra “atrair uma crise: TPM, sistema nervoso, problemas emocionais, alimentação… Tinha crise toda a semana, por 3 ou 4 dias. Terrível. A gente passa a se isolar. Nada de festas, jantares, viagens porque não se disposiçõa pra nada. Durante anos abri mão de muitos alimentos pra evitar crises. Tentei homeopaia, acupuntura e todos os rremédios que apareciam no mercado. Alguns ajudavam, mas não curavam e o resultado foi uma úlcera estomacal. Fiz diversos exames (ressonância, tomografia, eletro.. e não descobri nada.
    Felizmente, há cerca de 5 anos descobri a saída. Meu médico receitou PROPRANOLOL. Um remédio usado pra controlar a pressão arterial. Apesar de a minha ser baixa (10 x 6), fiz tentativas com diferentes dosagens e em diferentes horários, sempre com acompanhamento médico. Acabei achando a dose certa: 10 mg pela manhã.
    Agora sou outra pessoa. Raramente tenho uma dorzinha, mas UMA ASPIRINA resolve. Parece mágica. Sem dor e gastando quase nada na farmácia.
    Existe luz no fim do túnel!!!
    Se você tem enxaqueca, vale conversar com seu médico sobre o propranolol e, se ele achar conviniente, faça um teste. Porém , não tome nada sem orientação médica.
    Boa sorte!

    • Sarah comentou

      Mirce, muito bom saber que você vive bem com o Propranolol hoje! Eu tenho 24 anos e me vejo na situação que você vivia. Hoje estou tomando o propranolol, mas de 40mg. Tomava à noite, por orientação do médico, mas como tenho sentido dor, experimentei tomar pela manhã, mas me deu muito sono e moleza. E lendo o que você falou, estive pensando em diminuir um pouco a dose e continuar tomando pela manhã. Vou testar!

  9. Fábio comentou

    Tenho enchaqueca e as crises são diferentes, as vezes sinto a aura e a dor de cabeça é de rachar, mas na maioria das vezes, ela vem anualmente e é uma dor enjoada no lado direito da minha cabeça. Demora mais ou menos 1h, mesmo com analgésicos e o seu ciclo é de uns quinze dias. Ô trenzinho brabo sô !!!!!!!, será que tem cura ????

  10. cristiane ferreira comentou

    tenho 20 anos e tenho enxaqueca desde os 14. sofro muito com essa dor.e gostaria de saber se a um tratamento que possa curar essas doença.muitos medicos jah me falaram que ela é cronica ou seja não tem cura.essa afirmação é verdadeira?

  11. marcione comentou

    dr,tenho crise de enxaqueca a 30 anos! ja experimentei todos os medicamentos! zomig,naramig ormigreim,propanolol;sumax,sandomigram, e outros e parece que quando uso o medicamento pela primeira vez parece que resolve mas com o tempo parece que o organismo acostuma com o medicamento! ai nao faz mais efeito! minhas crises sao com auras e sao insuportaveis! ultimamente estava tomando selozok com indapen para controlar meus batimentos cardiacos e em consequencia nao dar as crises mas ja nao esta resolvendo!! sera que algum dia vou ficar livre deste mal?

  12. José M. Nery comentou

    Tenho 22 anos e tenho enxaqueca des dos 15 anos, minha enxaqueca e desencadeada por atividades fisicas. Meus ataques afetam minha visão em seguida vem as dores e afeta minha cordenação, como sou músico isso prejudica muito minhas atividades profissionais. Gostaria muito de saber se essa deficiencia tem cura e como posso marcar consulta com o Dr. Feldman pois comprei o livro e gostei muito . Mto obrigado

  13. luciana comentou

    dr,tive uma dor de cabeça na parte esquerda da cabeça pegou toda parte de cima so do lado esquerdo e inxou todo lado esquerdo do meu rosto o olho a face e a boca o que aconteceu?foi uma dor muito forte…..

  14. Cauê comentou

    Olha, nao sei exatamente se meu problema é enxaqueca, tenho 20 anos e a uns 3 anos venho tendo alguns problemas, do dormencia nas maos, boca e lingua, as vezes um enjoo e diareia, mais quando isso passa fico com uma dor de cabeça horrivel. muitas vezes dormindo passa a dor, mais outras vezes a dor nao passa, ja fiz varios exames na cabeça e demais exames de sangue, nunca encontrei nada de anormal, um pouco de anemia, hoje faço psicologo pois todos dizem que é dos nervos, mais isso ocorre sempre que estou calma.entao acho meio estranho, isso poderia ser sintomas de enxaqueca? o que poderia ser?

    obrigado

    • Nathiely comentou

      Tenho 20 anos e aos 16 tive minha primeira crise de enxaqueca. Foi da seguinte forma: apareceram pontos luminosos no meu olho esquerdo, ânsia de vômito, depois dormência no rosto, na lingua e no braço, somente no lado esquerdo. Quando as auras passaram, a dor surgiu ao lado direito. As minhas duas primeiras crises foram ocasionadas por alimentação. Tive crise uma vez por mês, por um ano. E todas elas foram ocasionadas por uso de anticoncepcional. Parei o tratamento e tive uma crise depois de quase um ano.

  15. maria regina comentou

    tenho enxaqueca no minimo a trinta anos, sua dor e do lado do olhoesquerdo que dura 3 dias (DURANTE A NOITE TAMBEM) ,nao resolve com analgesicos,nem anti inflamatorios e alguns remedios especificos para enxaqueca.,sendo que essas crises sao uma vez por mes.
    algumas coisas ja percebi que causa pre menstruaçao,alimentos tais como molhos, feijoada,pepino, estresse, para piorar a situaçao descobri que nao posso tomar analgesicos e diclofenaco pois causa hemmorragia uterina e tambem o agravante e o hormonio que causa coagulaçao.pois existe algum tratamento.

  16. Andrea comentou

    Ha 3 semanas na faculdade, tive uma crise nervosa,não enchergava, fiquei com tonturas e enjoo.Sai da faculdade para o hospital, tive formigamento nas mãos e lábios e forissima dor de cabeça.A pressao estava alta e a suspeita do medico foi de enxaqueta.Ja tive mais 2 crises dessa.Os medicos me dão soro para a dor e para pressão.De la pra cá vivo com dores de cabeça até durante os sonhos. Ninguem na minha familia tem isso e so começou a menos de um mes para mim e ja estou quase perdendo o emprego, pois nao consigo trabalhar.Que exame devo fazer para descobrir exataemnte o que eu tenho? Grata !

  17. JOAO PAULO comentou

    DR A CERCA DE 2 MESES, ESTAVA DIRIGINDO EM HORARIO DE ALMOÇO
    TIVE UMA FORTE DOR AGUDA NO OLHO ESQUERDO, E PARECE TOMAR CONTA DE TODO O LADO ESQUERDO DA CABEÇA, ATE HOJE NAO PASSOU, FIZ MAPEAMENTO DE RETINA, RETINOGRAFIA E ESTA TUDO NORMAL, FIZ TOMOGRAFIA DOS SEIOS DA FACE E TAMBEM NADA QUE JUSTIFIQUE, ESTA DOR AS VEZES ACORDO NO MEIO DA NOITE COM DOR SO DO LADO ESQUERDO, PASSEI COM NEURO E ELE PEDIU UMA TOMO DO CRANIO, NO EXAME CLINICO DISSE ESTA NORMAL.
    JA TIVE ENXAQUECA ORGASMICA AS VEZES APARECE,
    PODE SER ALGUM TIPO DE ENXAQUECA? O QUE DEVO FAZER?

  18. marcia comentou

    bom dia dr, gostei mt da sua entrevista em um programa de tv,e resolvi entrar no seu e-mail, tenho dor mt forte de cabeça, apos o uso de varios remedios, usei um com o nome de maxlat rpd 10mg, tem 06 meses que não sofro com dor, Pergunta O senhor conhece este remédio, ele é mt forte, tomei os dois comprimidos ,qual é a ação do remédio? fui diagnosticado que tenho enxaqueca cronica.

    Obrigada, Marcia

  19. Pollyanna Oliveira Lima comentou

    Dr.minha mãe sente frequentemente muita dor de cabeça acompanhada de vômitos. Tem semana que ela sente umas 4 vezes ai passa uns 15 dias sem sentir ,depois volta tudo de novo,ou então sente 1 ou 2 vezes por semana,isso varia muito.Ela não tem uma alimentação adequada,trabalha 12 horas p/dia e teima em tomar remédios em excesso.não quer ir ao médico(axo q teme ser algo grave),fico deseperada com isso,não sei o que fazer.O que o senhor axa que devo fazer?

  20. CARLOS EDUARDO comentou

    tenho 43 anos e tenho enxaqueca a 15 anos.Já fiz eletro encefalograma, tomografia e ressonancia magnética e nao acusou nada em meu cérebro. meus sintomas antes da dor de cabeça muito forte é enformigamento de mão, parte do nariz e lingua, zumbido nos ouvidos, visão ” embaralhada “, sudorese e frio. Gostaria de saber se tem cura ou tem algum tratamento para que amenise os sintomas e a dor?

  21. MÁRCIA comentou

    Tenho enxaqueca desde os 12 anos, no início minhas crises eram fracas, com um analgésico passava ou até depois de dormir. Agora minhas crises são mais intensas e duradouras, chego a ficar quase uma semana com dores, às vezes inicia no lado direito frontal, fica + ou – dois
    quando passa começa o lado esquerdo, e assim sucessivamente. O único medicamento que ainda tem resolvido é Naramig. Já fiz tratamento com propranolol por uns dois anos, e tive bons resultados, só tinha enxaqueca no período menstrual, mas parei com o medicamento porque estava sentindo uma sensação estranha como quando estamos com pressão baixa.

  22. Ana Maria comentou

    Tenho 54 anos e enxaqueca há mais de 35 anos. Já fiz eletroencelograma, tomografia, ressonância, enfim, todos que os neurologistas solicitaram, e nada de solução, tomei vários remédios, o único que deu um pouco de resultado foi um antidepressivo de nome Cymbalta, mas estou parando porque é muito caro e não tenho posses para continuar comprando o mesmo. Estou com dores de cabeça muito fortes há mais de 25 dias seguidos, tomo analgésico Cefalium, melhora mas…. logo a dor retorna, questão de 2 horas mais ou menos. Estou desesperada, o que posso fazer?

    • Bruna comentou

      Oi!
      Estava pesquisando na internet sobre dor de cabeça e encontrei esse seu comentário.
      Sei que é antigo. Mas foi o que mais me enquadrei.
      Eu estou com dor de cabeça á 12 dias. Nunca tive enxaqueca antes. Quando eu penso por alguns momentos que a dor passsou, começa tudo de novo. Minha cabeça parece que vai explodir, parece que tem uma bola de futebol explodindo dentro de mim; outras vezes me dói muito na testa. Tomei várias coisas, remédio para enxaqueca, antiflamatorio, relaxante muscular, chá, me benzi… e agora hoje parei de tomar remédios para ver se algo acontecia. O que aconteceu foi que minha dor voltou bem forte, apenas.
      Amanhã vou consultar um neurologista; espero que não seja nada grave e que ele me ajude a passar essa dor terrível, porque não estou conseguindo fazer minhas coisas.
      Espero que você tenha melhorado suas dores desde 2007. Abraço.

  23. janaina rosa comentou

    tenho 32 anos e sofro muito de enxaqueca.pre e pos menstrual.
    sinto muito enjoo,nausea tomo muito analgesicos mesmo assim nao passa.
    nao fumo, nao bebo , meu unico vicio e o cafe e doce .
    sinto tremores no corpo e muita pontada no lado direito da cabeça.
    gostaria de saber se tem algum tratamento ou cura?

  24. Celia comentou

    Oi, tenho 33 anos e tenho uma dor de cabeça insuportavel ja faz uns 5 anos, geralmente eu vou ao pronto socorro e me dão umas injeções na veia, pq so assim que passa, a dor esta ficando cada vez mais forte, parece que meu corpo inteiro fica pesado as minhas costas e o meu pescoço doem demais, ja não estou conseguindo dormir direito, ja fiz tratamento com propanolol e cefaliv, mas ja não faz mais efeito algum, inclusive neste momento a minha cabeça parece que tem uma bomba dentro dela a ponto de explodir. O que devo fazer? por favor, pois estou tomando caixas de remedios em um dia só, mas não faz efeito

  25. Claudia Gomes comentou

    Sou enxaquecosa desde 8 anos de idade…hoje tenho 43!! Mas aprendi ( a duras penas) a conviver com a enxaqueca. E graças aso tratamentos do Dr. Feldman com medicamentos certos e dicas ótimas sobre alimentação, tenho tido pouqíssimas crises, e uma dorzinha aqui, outra ali no período pré mestrual e quando dou uma abusada – durmo pouco, bebo além da conta, como coisas que nào me fazem bem. Ou seja: aprender a se conhecer, o que o nosso organismo aceita bem o não, ficar atenta a alimentação saudável sào as minhas dicas.
    Sempre tive medo desde criança de ter um AVC e nem saber o que estava acontecendo, já que as dores eram tào frequentes.

  26. Priscila comentou

    Bom dia Drº meu marido tem uma dor de cabeça forte que as vezes da vomitos da ultima vez ele vomitou a noite toda, o neuro dele fez rx da face e disse que o problema são os dentes que são tortos tem que usar aparelho, isso é verdade?

  27. Simony comentou

    É incrível mas lendo sobre enxaqueca e AVC fiquei com uma dor d cabeça terrível. Já fiz tratamento com anti inflamatórios,sumax,naramig,zomig… se eu consigo identificar q a dor está chegando e tomo o remédio tudo bem, mas depois q ele se instalou é muito difícil d controlar.. só indo no pronto socorro mesmo.
    O pior é q dias atras tive um apagão no meio do trânsito e qdo voltei ao normal o lado direito do meu rosto e o meu braço estavam dormentes, fiquei muito nervosa com isso e perdi o controle totalmente, tive q chamar meus pais para me tirarem daquela situação. O pior é q qdo disse isso pro meu médico ele disse q é normal e q isso pode acontecer outras vezes… assim sem me pedir nenhum exame… Posso ter tido um AVC ?

  28. Luciane Garces comentou

    BOM DIA! Dr. Alexandre, tenho 32 anos e sofro desse mal desde criança, comecei fazer tratamento com 15 anos, mas cada ano que passa a dor so aumenta e doi todos os dias e as medicas com qual faço tratamento so me receitam remedio controlado e eles me deixam sonolentas e nao adianta nada, já tenho vergonha das pessoas, dos meus amigos eu acho que eles pensam que é mentira até minha familia mesmo, ou melhor eles so acreditam porque meu rosto fica opado, minha vista escurece e os pontos de luz aparece e o meu braço esquerdo fica dormente.
    esse site estar me ajudando muito, obrigada.

  29. MARIA LÚCIA comentou

    Oi , há um ano tive um AVC , onde os medicos demoram muito pra diagnosticar a donça, fiquei com seguelas do lado esquerdo , não me pediram nnhum tipo de fisioterapia ou algo parecido , tomo um medicamento desde quando fiquei doente chado OXIGEN toda a noite, a noite que esqueço de toma-lo sinto uma tontura , uma pressão na cabeça e um calafrio que sitorna insuportavel , gostaria de saber se devo procurar um medico pra fazer um novo diagnostico ?

  30. Marcia Hespanhol Acacio comentou

    tenho fortes dores de cabeça todos os meses antes durante e depois da menstruaçao a dor é horrivel e perssiste o dia todo por varios dias já fiz consulta com neurologista e ele nao conseguiu saber qual a causa apenas me passou um antiinflamatório postam.

  31. josely de lourdes porto pires comentou

    oi,meu nome é lili estou passando por uma fase muito ruim, pois fui parar no hospital por causa de uma forte dor de cabeça.pensei que eu fosse morrer de tao forte que era e o neurologista me passou um remedio que segundo o farmacêutico è muito forte que tem que ficar trancado,mesmo assim este medicamento nao ta resouvendo, nao sei mais o que fazer e estou muito preocupada.queria uma soluçao pois as minhas dores sao muito fortes que chegam até latejar.eu preciso muito da sua ajuda Dr Alexandre.
    OBRIGADA!

  32. raquel comentou

    Tenho 27 anos e desde os 10 anos sofro de enxaqueca!!Eu sinto náuseas,vomito demais que chega uma hora que eu nao tenho mais o que colocar pra fora,mesmo assim ,ainda fico querendo por pra fora o que nao existe..fico tonta,tonta,que preciso ser carregada por alguem;até dor de barriga sinto!!E a cabeça nem se fala..dói tanto que peço para morrer..Quando to em algum local público,as pessoas olham tanto quando to desse jeito,como se sentissem dó de mim..cheiro,claridade;tudo isso é insuportável pra mim,qualquer tentativa de levantar a cabeça,eu vomito muito e a cabeça dói demais..até a voz de alguém perto de mim é irritante..as vezes avho que nunca irei melhorar,por isso me adaptei a situaçao..

  33. SONIA PINHEIRO RIBEIRO comentou

    OLA DOUTOR, TENHO 47 ANOS E SOFRO DE ENXAQUECA A MAIS DE 30 ANOS. MINHA DOR E TAO FORTE QUE CHEGA A BAIXAR A MINHA PRESSAO, E ELA SEMPRE ME DAR AO LADO ESQUERDO NA FONTE E ATE A MINHA VISTA FICA LATEJANDO E SENTINDO UMAS FISGADAS FORTES NA VISTA. EU DURMO COM ELA, E AMANHECO COM ELA, JA TOMEI VARIOS REMEDIOS MAS NAO ADIANTA. FIZ TOMOGRAFIA NAO DEU NADA , O MEDICO DISSE QUE EU TENHO ENXAQUECA. ME PREOCUPO MUITO COM ESTA DOR , TENHO MEDO DE ME DAR AVC. QUE PENA O SENHOR NAO TEM CONSULTORIO NO RIO.

  34. Silvino comentou

    Minha mãe sempre tem uma crise de dor de cabeça que se concentra no lado direito da parte posterior e que se estende até as costas e os braços. Vale salientar, que ela já fez os exames de Radiografia, Tomografia Computadorizada e Ressonância Magnética, mas não deu nada. O que pode ser a causa dessa dor que, até o momento, não se descobre?

  35. joana comentou

    tenho dores horriveis de dor de cabeça ja tomei todo tipo de remedio e nao adiantou gostaria de saber mais sobre o avc é muito triste essas dores eu convivo com ela 24 hrs por dia me encho de remedio e nao passa acho q qualquer hora minha cabeça vai explodir estou sentindo umas dores estranhas na cabeça ela aperta um lado depois passa pro outro e assim sucessivamente em varios locais da cabeça parecem marteladas estou com medo vc poderia me dizer algo a respeito dessas dores att joana

  36. Joice comentou

    Olá, sou de Minas Gerais e gostaria de saber a que especialista devo recorrer.
    Tenho 19 anos e desde os 8 anos tenho enxaqueca.
    De uns tempos pra cá, as dores estão mais fortes, chegam a ser insuportáveis eu acho até que vou morrer com tamanha dor!!!!
    Já fui em neurologistas e médicos de todos os jeitos e já tive vários relatos a respeito dessa dor, sendo que cada médico fala uma coisa e sempre um contradiz o outro.
    Já me falaram que tenho que aprender a viver com a dor pois vou te-la pelo resto da vida!
    Outro médico disse que a dor era psicológica (olha se pode????eu quase morrendo de dor e ele fala que é psicológica)
    Enfim….cada vez que recorro a algum especialista o diagnóstico é um e sempre trocam meu remédio.
    Já tomei vários entre eles NAPROX e no momento eu tomo CEFALIV e como as dores tão vindo sempre muito fortes sempre preciso de tomar dois pra conseguir amenizar um pouco!!!
    Gostaria que pudessem responder minhas dúvidas pois nesse momento que escrevo estou sentindo dor e não aguento mais viver esse tormento!!!
    Espero resposta.
    Grata desde já.

  37. Edgar Moraes Matos comentou

    Minha esposa sofre de enxaqueca há mais de dez anos, foi feito todos os tipos exame neurológicos e nada foi constatado. Tem outras maneiras de saber e pelo menos diminuir e controlar esta enfermidade?

  38. Otacilio comentou

    Tenho enxaqueca desde que entendo por gente, e com aura, até hoje nunca encontrei um tratamento que desse certo mas. tenho esperança de encontrar.

  39. Ana Paula comentou

    Dr. como podemos identificar um AVC devido a enxaqueca?
    Fica alguma sequela? Ou quando está acontecendo dá para perceber?

    Grata

  40. Bruna comentou

    Dr. tive minha primeira crise de enxaqueca com aura aos 20 anos. Foi horrível!!!!! Um lado do meu corpo ficou todo dormente, minha visao ficou comprometida, ví luzes em zigue-zague, e não conseguia falar…. Depois veio a dor insuportavel…. A partir deste dia minha vida mudou…. Morro de medo de ter um AVC!!!! E o pior…. Tenho ovario poliscistico e o tratamento mais adequado é a pilula. Minha ginecologista acha melhor suspender…. Só que meu rosto encheu de espinhas depois que eu parei…. Faço tratamento com propranolol. Minhas crises de enxaqueca com aura são umas 2 por ano…. Será mesmo necessario largar a pilula? Terei um AVC por causa da pílula?
    Obrigada

  41. Rose comentou

    Tenho 39 anos e como a Mirce Comenta em 24-04-2007, já tentei de tudo, inclusive já utilizei o TRIPTANOLem doses pequenas e associado ao analgésico para a enxaqueca, PORÉM vi no depoimento dela uma luz, realmente no fim do túnel. Pois, de observar e ir excluindo quase todos os alimentos de cada vez um, já tenho plena certeza do que me causa ou não a enxaqueca, além de eu ter problemas de Hipotiroidismo.
    Sempre procuro manter as taxas na linha mas a enxaqueca já está até mesma nas minha filhas de 134 e 17 anos, como posso tentar matar este mal pela raiz??? É realmente heriditário a enxaqueca??? Sei que meu problemapode ser causado por TPM, sistema nervoso, problemas emocionais, alimentação gordurosa… Tinha crise toda a semana, por 3 ou 4 dias, inclusive prejudicando-me no trabalho.
    Como posso evitar este mal para as minhas filhas???

  42. Macevania comentou

    Tenho os mesmos sintomas da Janaína: Enxaqueca no péríodo pré-mestrual, durante e às vezes depois da mestruação. Além da dor de cabeça constante durante esses dias, também sinto tremor no corpo e sensação de enjôo. Tudo isso acompanhado de irritação, angústia, medo, descontrole emocional. Enfim sentimentos que não experimento em outros dias. Por enquanto consigo controlar a dor com analgésicos, mas me preocupo com o fato de ter que tomá-los com frequência.

  43. Célia comentou

    Meu namorado reclama de enxaqueca, mas estava a algum tempo sem ter crises. No último mês presenciei duas crises.
    A primeiro vei com forte dor e nasea, a outra com dormencia do braço, perna, face e lingua do lado esquerdo. Como passei por a experiência de ver um parente proxímo ter um AVC, percebi que é o mesmo sintoma, é como se ele tivesse tido um AVC, mas depois de algum tempo voltou ao normal.
    Posso dizer que é desesperador ver alguém que você ama muito nessa situação. Por conta disso comecei a pesquisar sobre esse problema e percebe que ele sofre de enxaqueca com aura.
    Despois de ler sobre a importância da alimentação ele esta mundando seus habitos alimentares, nesse últimos 15 dias, conseguiu perder 4K, e esta se sentindo melhor.
    Porém é muito dificil conviver com a sensação de que você tem maiores chances de ter um AVC. e passar por crises com os mesmos sintomas
    Gostaria de saber como posso ajudá-lo, em pesquisas ou massagens, e que tipo de acompanhamento médico ele pode fazer, já que tantas pessoas reclamam da falta de perspectivas.
    Percebo também que existe a questão finaceira, nem todos podem pagar um tratamento. Enfim… tenho esperança e acredito que a qualidade de vida é tudo. Obrigada!

  44. nilza fernandes cecilio comentou

    Tenho enxaqueca com aura desde 15 ano, atualmente estou fazendo tratamento com um remedio topamax, parei de tomar devido estar com os batimentos alterados, esta semana tive uma crise com aura, no qual perdi os sentidos, tive sensaçao de morte, não sei mais o que fazer, sou vendedora de uma grande rede de lojas,e preciso de produzir, preciso de AJUDA. Vou fazer uma ressonancia magnetica, e dai passar por outros exames, para verificar outro tratamento.

  45. IVANA STAUT comentou

    Tive enxaqueca quando criança (entre 8 e 10 anos) depois ela desapareceu, e agora que estou com trinta ela retornou com força total. Já fiz vários exames RX de seio de face, de crânio, tomografia e não deu nada. A minha neuro me passou propanolol 20mg 2X ao dia e fluoxetina 20mg pela manhã, já estou em tratamento a 2 meses, mas até agora não senti melhora. Quando a crise vêm sinto náuseas, lábios dormentes, mal estar generalizado, dor fortissima na cabeça, intolerância ao barulho e á claridade. Estou com problemas no trabalho, pois as crises duram em média 72h, em surgem em média a cada 15 dias. É muito difícil conviver com a enxaqueca, a minha esperança é que o tratamento melhore a minha qualidade de vida. Quando estou em crise faço uso de ormigrein, naramig, cefalium, cefaliv…….. e estas medicações melhoram a dor de cabeça mas aumentam em muito a náusea.

  46. jussara bersano comentou

    Moro em Porto Alegre, sou enfermeira e trabalho uma noite e folgo duas. Tenho enxaqueca há mais de 30 anos. Iniciaram quando tomei por uma ano anticoncepcional. Aí as crises começaram e mesmo depois que parei de usa-las continuei tendo. Elas fazem parte da minha vida, acredito em momentos que estou mais tensa, depois vão embora e passo meses achando que não voltarão. Tenho duas filhas e na gravidez da primeira, apesar de relatos que as crises melhoram, tive muita dor. Uso ormigrein nas crises e uma outra medicação endovenosa quando não cedem. Hoje com 51 anos estou passando por crises intensas. Fui ao neuro que me deu toragesic para tomar nas crises e amitriptilina por 90 dias. Não gosto de tomar remédios, vou iniciar acupuntura e massagens. Gostei muito de saber das alimentações que devemos ou não ingerir. Enfim tenho boa saúde mas as enxaquecas me deprimen muito porque adoro trabalhar e nas crises intensas fica impossibilitada, não estou nem considerando o lazer que fica totalmente compremetido. Mas tenho fé que um dia eu aprenderei a conviver melhor com esta insuportável dor de cabeça.

  47. GISA comentou

    REALMENTE O TRATAMENTO COM PROPANOLOL E BOM, MINHA NEUROLOGISTA E O DE MINHA FILHA NOS RECEITOU, FIZEMOS, E FOI EFICAZ NO NOSSO TRATAMENTO.

    GISA.
    SAO LUIS DE MONTES BELOS,GOIAS.

  48. camila comentou

    Olá,
    Até então n tinha pesquisado na internet sobre enxaqueca. Já fui no neurologiasta e a medica quis me curar com anti depressivo. N quis e parece que a tal da enxaqueca só faz aumentar e se intensificar. Entrei pra pesquisar hj por causa de um súbito formigamento, misturado com uma sensação de má circulação…
    Enfim, espero um dia poder viver sem esa doença, que tanto me prejudica e incomoda minha vida… e melhoras pra todas aqui!

  49. MSalum comentou

    Postei nesse site a mais de um mês e naquela época o site falava bastante acerca do chá de gengibre, mas agora não encontrei menção ao velho chá em parte alguma, é bem verdade que não explorei o site desta vez tanto quanto daquela, mas mesmo assim parece que o chá está sendo esquecido aquino POST, queria dizer que estou fazendo o tratamento com chá de gengibre e tem funcionado muito bem, abraços.

  50. gabriela comentou

    OLá!!
    Tenho 20 anos e, agora, completam duas semanas que tenho sido acometida por sensações estranhas na cabeça. Presão nos ouvidos e latejamentos nas têmporas se fazem presentes o tempo inteiro… bem como tonturas, dores nas costas, incômodo no pescoço e formigamentos gelados pela cabeça!!
    Não sei mais o que fazer… hoje, acabei de fazer uma tomografia para saber o que tenho, mas o resultado saíra somente daqui a alguns dias.
    Choro muito e estou entrando em pânico, pois tenho medo de ter um aneurisma ou AVC… ou qualquer outra coisa!!!
    Esse tormento tem me afetado muito… estou com medo de ir para a faculdade e ter algo sério dentro do ônibus…
    Gostaria muito que alguém pudesse me ajudar… estou com medo… realmente preciso de ajuda!!!
    Obrigada pela atenção.

  51. Rhayane Rodrigues comentou

    olá, pessoas…
    acabei descobrindo por acaso esse site, sofro de enxaqueca há mais ou menos uns 04 anos, mas só fui descobrir que realmente era enxaqueca no inicio desse ano…
    tenho crises fortissimas que hoje em dia aumentam cada vez mais….
    gostaria de resolver meu problema tenho todos os sintomas de um AVC, peço a ajuda de vc’s…

    abraços…

  52. maryana comentou

    DR.
    Estou cursando o 8° periodo do curso de fonoaudiologia da UCG e estou fazendo um trabalho de conclusão de curso com o seguinte tema : alterações de linguagem em pacientes portadores de migrânea com aura.Gostaria de saber se vc tem algum artigo q relacione a crise enxaquecosa e a circulação cerebral ou alteraçoes de linguagem com a enxaqueca. Se possuir gostaria q me retornasse o mais rapido possível….. obrigado….

  53. Juliana comentou

    Tenho 23 anos e sofro de dores de cabeça frequente, vomito muito e às vezes até vomito sangue, a minha vista fica embaralhada, minha pressão sobe, ja sofro com isso a uns 3 anos, o meu pai tinha enxaqueca, que durou 15 anos, espero não ter por tanto tempo assim, mais até agora não consultei nenhum especialista que tivesse me ajudado, que tivesse me dado algum tipo de remédio que adiantasse, pois quando me ataca sou obrigada a ir pro hospital tomar algo na veia senão não tem jeito, ela dura uns 2 ou 3 dias.

  54. michelle moraes comentou

    ola dr. acabei de descobrir que tenho enxaqueca.devo procurar um cardiologista para saber se a aura ou seja a ma formacao da arteria. desde ja obrigado michelle moraes de itapeva sp….

  55. Cristiane Dorneles comentou

    Olá!

    Me identifiquei muito com o caso da Cauê de 20 anos, meu sintomas são quase os mesmos dele, sinto uma dormencia que começa nas mãos, depois os braços e sobe até o rosto, na boca, lábios, e a lingua começa a pesar, sinto dificuldades de falar.Estou agendando uma consulta para ver se descubro, há uns anos atrás fiz uma bateria de exames, até ressonância magnética com contraste, tudo que era exame pra ver se não era nada na cabeça, mas graças a Deus não tinha nada.Mas de 2 semanas para cá eles apareceram de novo, eu estava na academia quando me deu e foi forte, sentei e esperei passar uns 10 minutos + ou -, já estava normal, quando cheguei em casa depois senti uma dor muito forte de cabeça, claro tenho enxaqueca, às vezes do nada ela surge. O que será isso??? De qualquer forma quando eu tiver o resultado postarei aqui no site.
    Abraços a todos

  56. Dorinha comentou

    Entrei no site porque só esta semana tive 3 crises de enxaqueca com aura, até visitar esta materia não sabia desse termo, com aura, mas é exatamente o sinto, fazia bastante tempo que não me apresentava. E nessas últimas manifestações percebi que minha visão não está normalizada, pois as veses enxergo listas.

  57. adriana comentou

    tenho todos os sintomas acima,nao posso mais nem sair de casa , a movimentaçao e o barulho dos carros me fazem voltar pra casa muito mal nao sei mais o que fazer já pensei em desistir da vida por nao aquentar mais as dores, a gente se torna chata para todos ao nosso redor porque tudo nos incomoda;o som alto a luz acessa,as vozes das pessoas.ainda nao consequi um tratamento que me livrasse de tudo isso!E desesperador!!!!!!!!!!!!!!!

  58. juliana rebouças comentou

    olá, faz uns 3 meses que tenho dores de cabeça, praticamente todos os dias….
    pelo calendário do meu serviço em que estava marcando, pelo menos 15 dias/ mês tenho dor de cabeça…
    ás vezes a dor é de pressão, às vezes latejando, a parte direita , é o que mais dói quando a dor é latejante. sinto dores na nuca e na coluna,um incômodo chato sabe…. às vezes dores tb perto do ouvido( mas na cabeça), enfim…tem dias que não aguento!
    hj fiz um eletro, semana que vem voltarei ao médico… tem dias que me da agonia, não consigo concluir minhas atividades, estudar, trabalhar, ….
    meus caros amigos, espero que possamos sanar essas dores…que pssamos voltar a viver num hambiente de harmonia!!!!
    um abraço!!!!
    pra quem quiser adicionar msn: nanam51@hotmail.com

  59. juliana rebouças comentou

    a propósito irei tomar o chá de gengibre. Pelos comentários ém um tópico em que vi nesse site, a maioria das pessoas aprovaram esse chá!

  60. Cristiane Rodrigues comentou

    Olá, tenho enxaqueca com aura há bastante tempo e costumo usar neosaldina, mas nem sempre é eficaz, principalmente quando a dor já alcançou um limiar mto alto.
    Agora descobri um medicamento para enxaqueca baseado na medicina antroposófica e homeopatia: kephalodoron, da Weleda. Ainda não usei, mas pretendo ver se funciona, me pareceu algo com menos chances de efeitos colaterais e interações medicamentosas.
    Assim q começar a usar, volto para deixar minha opinião.
    Cris. Porto Alegre/RS

  61. Poliana comentou

    Tenho 14 anos e descobri que tinha enxaqueca com aura há alguns meses. Me trato com homeopatia (Kephalodoron, da Weleda, que é muito bom Cristiane. Pode usar!) e, desde então só tive 2 crises fracas. Mas há 1 semana tive uma crise que nunca tiha acontecido. Antes da dor, meu olho sempre embaça e dessa vez também foi assim. Fui deitar pra ver se melhorava e quando acordei, a dor estava muito forte. Como tinha um compromisso, fui ligar para uma pessoa e não conseguia digitar o número do telefone. Tentava falar alguma coisa com minha vó, e saia tudo errado. Então fui mandar uma mensagem de texto para essa pessoa e não conseguia escrever. Fiquei desesperada e começei a chorar. Quando me acalmei, deitei novamente e quando acordei, estava um pouco melhor. Queria saber por que aconteceu isso e se tem algum tratamento, além do remédio, que posso fazer.

    Obrigada.

  62. Erika Castro comentou

    Tenho muitas dores na cabeça ,principalmente na época da menstruação,tenho formigamentos na cabeça ,tremores no corpo,vomitos e sempre do lado equerdo da cabeça,chego a ficar dois dias de cama,ja tomei remedisos como naramig,ormigren,cefalium e eles até resolvem nas primeirs vezes depois n fazem qq efeito o q eu faço?é muito desespero estou perdendo muitos dias de trab tb!!desde ja obrigado.c

  63. ana paula donini comentou

    Boa tarde;

    sofro de enxaqueca ja há mais de 10 anos. Cheguei a conclusão de que minhas crises são de origem hormonal.
    Me falaram sobre o endocepitivo Mirena, que parece ser eficaz no tratamento da enxaqueca, pois uma amiga que tb sofria com esse problemas colocou e teve uma expressiva melhora.
    Dr. Feldman saberia informar sobre esse tipo de tratamento?
    Obrigada

  64. Ana comentou

    Olá, tenho 20 anos e desde criança sofro com enxaqueca. Há 4 anos com aura. Os sintomas durante a crise são desesperadores e tenho medo de se tornarem permanentes ou deixarem sequelas (dormencia nos membros, na boca e na língua, alteração na visão e audição, dificuldade para falar e escrever, a terrível dor de cabeça e pós crise tenho dificuldade de raciocínio e memorização). Já fiz tratamento com ampritilina, sibelium e atualmente topamax, no entanto, além de não resolverem o problema esses medicamentos causam muitos efeitos colaterais, principalmente muita sonolência e isso dificulta muito minha vida no trabalho e nos estudos. A pergunta é com relação ao topamax, Dr. Alexandre, pelo que sei, este medicamento está sendo usado recentemente para tratar enxaqeuca e gostaria de saber se realmente é o recomendado, pois ouvi duas opiniões contraditórias de médicos. Obrigada.

  65. Geraldo comentou

    Caso muito semelhante ao da Poliana…
    tenho enxaqueca aura e certa vez durante uma crise
    tentei fazer uma ligação à minha namorada mas nao coseguia
    digitar os numeros.
    subitamente esqueci a ordem e nao conseguia falar sem muita
    concentracao.

    Espero conseguir controlar as crises com tratamento.
    Talvez isso nao seja um bicho de sete cabeças
    Melhoras a todos!!!

  66. waldenice comentou

    Só tenho dor de cabeçã no periodo pré menstrual ou 1 vez ao mês, mas temho muito formigamento na cabeça na parte de trais do lado esquerdo que durou 1 dia e quando acabou ficou dolorido ou em cima do lado diteito, ou então um formigamento gelado na cabeçã do lado direito em cima este formigamneto gelado parece que fica escorrendo dentro da cabeça eu tenho sempre pelo menos 2 vezes ao mês que dura 1 ou 2 horas

    • comentou

      Eu tive esta enxaqueca pré menstrual é muito triste, eu a vezes tinha vontade de jogar a cabeça na parede, e até comentei com o meu marido que a dor era tanta que preferia morrer do que centir esta dor ela me deixava triste pra baixo, foi uns dos momentos mais triste da minha vida queria morrer de tanta dor de cabeça, o meu neuro me passou pamelor começou com uma dose baixa e depois foi aumentando quando eu já não tinha mais crises ele foi diminuindo a dose e até hoje graças a Deus nunca mais tive enxaqueca pré menstrual, tenho também dois filhos que tinham crise de enxaqueca um dava crises fraca outro dava varias crises e eram sempre frequentes, o da crises fracas se curou o da crises frequentes diminuiram bastante, diminuiram muito este tinha crises com aura, era quase no minimo duas vezes por semana, agora da umas 2 a 3 vezes por ano, só que ele não terminou o trata mento com o pamelor. Por isso quando um medico der um tratamento se não tiver fazendo efeito comente com ele, se ele aumentar a dose do seu remédio respeite e se não estiver fazendo efeito reclame com ele, as vezes precisa aumentar mais como aconteceu no meu caso e eu me curei.

      • comentou

        De fato é importante fazer tratamento médico quando se tem enxaqueca, pois com a melhora da enxaqueca diminuem também os riscos de AVC (acidente vascular cerebral, derrame). Mas o melhor mesmo é, juntamente com os remédios prescritos pelo seu médico, você fazer modificações-chave nos seus hábitos e estilo de vida, pois somente assim existe a chance de influenciar a causa da enxaqueca. Lembre-se que remédios não tratam as causas, apenas os sintomas. Leia este artigo que fala mais sobre este assunto. Assim, através desta ação conjunta (o médico com a medicação e você com mudanças de hábitos e estilo de vida) você realmente minimiza o problema e os riscos de AVC (acidente vascular cerebral, derrame). Para saber que mudanças de hábitos e estilo de vida implementar, sugiro enfáticamente a leitura do meu livro.

  67. Cris comentou

    Tenho duas dúvidas: é verdade que as mulheres que sofrem de enxaqueca não podem tomar anticoncepcionais pois isso aumenta o risco de AVC? As mulheres que sofrem de enxaqueca podem fazer tratamentos para não menstruar mais? Obrigada.

  68. Solange Melo comentou

    Dr. Alexandre,o que vem a ser “ENXAQUECA COM AURA? Eu o acompanho em face e recebo e-mail seus , já comprei seu livro e leio tudo a respeito desta dor maligna. Sofro demais!

Trackbacks

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Notify me by email when my comments gets approved.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>